A montanha que devemos conquistar, livro de István Mészáros

A montanha que devemos conquistar

editora: BOITEMPO
assunto:
O filósofo húngaro Istvan Mészáros lança o livro A montanha que devemos conquistar, obra em que debruça sobre uma reflexão da sociedade atual. No livro, Mészáros aponta, o principal empecilho à existência da humanidade: o Estado e sua lógica capitalista.

O filósofo traça um paralelo entre os interesses do capital e o bem estar humano, e demonstra a impossibilidade que os dois conceitos existam numa mesma sociedade, uma vez que os interesses de um interferem diretamente na existência do outro.

A crise no capitalismo também é tema do estudo do filósofo, ... [Leia mais]
R$ 38,00
preço de capa: R$ 45,00
economia de: R$ 7,00 (16%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$12,67 sem juros.
Apenas 2 em estoque.
Descrição
O filósofo húngaro Istvan Mészáros lança o livro A montanha que devemos conquistar, obra em que debruça sobre uma reflexão da sociedade atual. No livro, Mészáros aponta, o principal empecilho à existência da humanidade: o Estado e sua lógica capitalista.

O filósofo traça um paralelo entre os interesses do capital e o bem estar humano, e demonstra a impossibilidade que os dois conceitos existam numa mesma sociedade, uma vez que os interesses de um interferem diretamente na existência do outro.

A crise no capitalismo também é tema do estudo do filósofo, que acredita que estamos passando por uma crise estrutural desse sistema, e não uma cíclica, como é própria dele. Em A montanha que devemos conquistar, Meszárós aponta para as dívidas impagáveis de alguns países, como os Estados Unidos, para demonstrar esse limite do sistema capitalista.

Esta obra, escrita ao longo de cinco anos, é uma obra prima que analisa conceitos da Teoria do Estado desde Aristóteles até os tempos atuais.

Dados Técnicos
Páginas: 184
Peso: 200g
ISBN: 9788575593974