Artes de Governar, As - Do regimen medieval ao conceito de governo, livro de Michel Senellart

Artes de Governar, As - Do regimen medieval ao conceito de governo


R$ 43,40
preço de capa: R$ 62,00
economia de: R$ 18,60 (30%)
   adicionar ao carrinho
editora: EDITORA 34
condição: Livro novo
prazo: Sob encomenda. Envio em 3 dias úteis + frete (grátis nas compras acima de R$149 para todo o Brasil)
  • Conversas com Historiadores Brasileiros, livro de José Geraldo Vinci de Moraes e Jose Marcio Rego

    Conversas com Historiadores Brasileiros

    José Geraldo Vinci de Moraes e Jose Marcio Rego

    R$ 69,00
    R$ 48,30


  • Homo Ludens. O Jogo Como Elemento Cultura - Coleção Estudos 4, livro de Johan Huizinga

    Homo Ludens. O Jogo Como Elemento Cultura - Coleção Estudos 4

    Johan Huizinga

    R$ 51,00
    R$ 45,90


  • NASCIMENTO DA LEI MODERNA, livro de BASTIT, MICHEL

    NASCIMENTO DA LEI MODERNA

    BASTIT, MICHEL

    R$ 99,90
    R$ 69,93


  • Genealogia do direito moderno - O estado de necessidade, livro de Nicolas Israël

    Genealogia do direito moderno - O estado de necessidade

    Nicolas Israël

    R$ 54,90
    R$ 38,43


  • O idioma da mestiçagem - As irmandades de pardos na América Portuguesa, livro de Larissa Viana

    O idioma da mestiçagem - As irmandades de pardos na América Portuguesa

    Larissa Viana

    R$ 40,00
    R$ 32,80


  • O Brasil na Monarquia Hispânica (1580-1668), livro de Ana Paula T. Megiani, José M. Pérez, Kalina V. Silva (orgs.)

    O Brasil na Monarquia Hispânica (1580-1668)

    Ana Paula T. Megiani, José M. Pérez, Kalina V. Silva

    R$ 34,00
    R$ 23,80


  • A brincadeira (Edição de Bolso), livro de Milan Kundera

    A brincadeira (Edição de Bolso)

    Milan Kundera

    R$ 34,90
    R$ 26,18


Descrição
Tradução de Paulo Neves
Coleção Trans
336 p. - 13.5 x 18 cm

Este livro narra a história do conceito de governo no Ocidente, desde suas origens patrísticas — o regimen como arte de conduzir as almas (século VI) — até sua fixação no vocabulário jurídico-administrativo do Estado moderno (século XVII). Seu objetivo, porém, não é reconstituir as etapas de uma secularização progressiva, mas realçar as mutações que conduziram, por volta do final da Idade Média, à inversão das relações entre o regimen e o regnum (no sentido do poder monárquico).

Contrariamente à ideia de que o governo pressupõe a existência do Estado, o autor demonstra que, durante séculos, foram as exigências do regimen que definiram as condições de exercício de poder. É preciso esperar o século XVI — após Maquiavel — para que o Estado, fruto de uma evolução secular mas trazido por uma crise sem precedente, se imponha como o fundamento da ordem civil e constitua o princípio das práticas governamentais. É então que o regimen — e, com ele, uma certa figura do príncipe virtuoso — se eclipsa no direito do soberano.

Sobre o autor

Michel Senellart nasceu em 1953 e é professor de Filosofia Política na École Normale Supérieure des Lettres et Sciences Humaines de Lyon, na França. É autor de Machiavélisme et raison d'État (PUF, 1989), L'enjeu Machiavel (com Gérald Sfez; PUF, 2001) e Le bonheur et l'utile: une histoire raisonnée de la philosophie morale et politique (com Alain Caillé e Christian Lazzeri; La Découverte, 2001), este último publicado no Brasil com o título Da filosofia moral e política: a felicidade e o útil (São Leopoldo, Editora Unisinos, 2004). Recentemente, foi o responsável pela edição dos cursos de Michel Foucault no Collège de France, Sécurité, territoire, population (1978) e Naissance de la biopolitique (1979), ambos publicados em 2004; atualmente prepara a edição do curso de Foucault Du gouvernement des vivants (1980).

Dados Técnicos
Peso: 370g
ISBN: 9788573263442
Google Books Preview




A 30PorCento é uma livraria virtual cuja missão principal é potencializar, através dos livros, a renovação do pensamento crítico brasíleiro. Oferecemos livros com desconto em todo nosso catálogo.

Frete: além do Sedex e das entregas de Bicicleta, utilizamos também uma categoria especial e econômica para postagem de livros no correio chamada Impresso com Registro Módico, cujo preço é fixo, por peso, para qualquer cidade do Brasil.

Política de troca e devolução: produtos vendidos e enviados pela Livraria 30porcento podem ser devolvidos em até 30 dias após o recebimento do pedido. Para receber o reembolso total, os produtos devolvidos devem estar em condições de novo. Produtos com defeito podem ser devolvidos no prazo de garantia legal solicitados por email em até 30 dias.


Link para a revista literária O Benedito.

> 7LETRAS
> ALEPH
> ALFAGUARA
> AMARILYS
> ANNABLUME
> ATELIE
> AUTENTICA
> AUTONOMIA LITERÁRIA
> BEM-TE-VI
> BIBLIOTECA AZUL
> BLUCHER
> BOITEMPO
> CARAMBAIA
> COMPANHIA DAS LETRAS
> CORTEZ
> COSACNAIFY
> DISCURSO EDITORIAL
> EDIÇÕES LOYOLA
> EDIPRO
> EDITORA 34
> EDITORA UFRJ
> EDITORA UFV
> EDIÇÕES 70
> EDUEL
> EDUEM
> EDUERJ
> EDUFPA
> EDUSP
> ELEFANTE
> ESTAÇÃO LIBERDADE
> EXPRESSÃO POPULAR
> GLOBAL
> HEDRA
> HUMANITAS
> ILUMINURAS
> INSTITUTO MOREIRA SALLES
> INSTITUTO PIAGET
> MANOLE
> MARTINS FONTES
> MERCADO DE LETRAS
> MUNDARÉU
> NOVA ALEXANDRIA
> NOVA FRONTEIRA
> MUSA
> OCTAVO
> PALAS ATHENA
> PAZ E TERRA
> PERSPECTIVA
> PONTES
> RADIO LONDRES
> SENAC
> SESC SP
> TINTA DA CHINA
> TODAVIA
> TORDESILHAS
> UBU EDITORA
> UNESP
> UNICAMP
> VOZES
> WMF MARTINS FONTES
> ZAHAR
+ editoras




Blog Não Gosto de Plágio - a polêmica do plágio de traduções literárias no Brasil, por Denise Bottmann