Felicidade, livro de Bent Greve

Felicidade

editora: UNESP
O que é felicidade? É possível medir o nível de felicidade das pessoas, comunidades e nações? Qual é a importância para as sociedades de ampliar o conhecimento acerca da felicidade, naturalmente perseguida pelo ser humano desde os tempos mais remotos? Nesta obra Bent Greve apresenta com notável competência os estudos mais recentes sobre o conceito e a medição da felicidade. Com uma abordagem múltipla do tema – filosófica, econômica, psicológica e sociológica – ele apresenta uma nova visão para a compreensão do conceito, especialmente relevante na era contemporânea. Com foco na Europa e nos ... [Leia mais]
R$ 29,64
preço de capa: R$ 36,00
economia de: R$ 6,36 (18%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$9,88 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição
O que é felicidade? É possível medir o nível de felicidade das pessoas, comunidades e nações? Qual é a importância para as sociedades de ampliar o conhecimento acerca da felicidade, naturalmente perseguida pelo ser humano desde os tempos mais remotos? Nesta obra Bent Greve apresenta com notável competência os estudos mais recentes sobre o conceito e a medição da felicidade. Com uma abordagem múltipla do tema – filosófica, econômica, psicológica e sociológica – ele apresenta uma nova visão para a compreensão do conceito, especialmente relevante na era contemporânea. Com foco na Europa e nos Estados Unidos, Grene examina como o conceito de felicidade pode contribuir para a compreensão de aspectos centrais da sociedade moderna, investigando desde questões relacionadas à análise do Estado de bem-estar social até o cotidiano dos indivíduos. Ao enfatizar as diferentes conotações e usos do conceito, o livro pretende contribuir com a melhoria da percepção a respeito das situações que têm impacto nas sociedades e das razões que as tornam bons lugares para viver. Grene sugere que os governos e a economia se beneficiariam se aprofundassem seus conhecimentos acerca da felicidade. As pesquisas, diz, poderiam ser usadas como guias diferenciados de gestão de recursos. Se, por exemplo, dois tipos de intervenção trouxessem semelhantes impacto e custos, seria mais interessante optar pelo que garantisse melhoria mais substancial no nível de felicidade. Como, no entanto, saber o que tornará as pessoas mais felizes? O aperfeiçoamento dos estudos de medição pode ser um caminho: “As pessoas, na verdade, são capazes de responder sobre o que entendem por felicidade não apenas no curto prazo, mas também no longo prazo.” Trechos do livro Um alto nível de felicidade para indivíduos e também grupos de pessoas é visto como ideal para se tentar alcançar uma boa sociedade. A boa sociedade é também uma comunidade feliz, e podem-se buscar ações públicas que propiciem alcançar e continuar alcançando uma sociedade feliz, ou ainda mais feliz. [...] mesmo que uma pessoa tenha sofrido um acidente, ficado doente ou perdido o cônjuge [...] é possível retornar ao nível anterior, ou pelo menos próximo dele, e também refletir sobre a felicidade no decorrer da vida. Isso ajuda a explicar por que a relação entre felicidade e idade, na maioria das análises, tem forma de U – mais alta quando jovem ou idoso (ainda que por razões distintas). [...] muita gente não consegue ficar feliz por um longo período de tempo sem que volte a imaginar qual será a próxima nova experiência, aquisição de bens ou algo do tipo que irá deixá-la feliz. Adaptação é a palavra que descreve o motivo disso acontecer.

Dados Técnicos
Páginas: 246
Peso: 259g
ISBN: 9788539304653