Teatro completo volume 2. O verdugo seguido de A morte do patriarca, livro de Hilst, Hilda

Teatro completo volume 2. O verdugo seguido de A morte do patriarca

editora: L&PM
Transgressão também nos palcos Entre 1967 e 1969, já dedicando-se inteiramente à literatura, a até então poeta Hilda Hilst (1930-2004) escreve, de um fôlego só, oito peças de teatro. Estamos em pleno período do endurecimento da ditadura militar, com a perda das garantias individuais diante de um Estado autoritário. Toda sua obra dramatúrgico ecoará essa época. Em “A morte do patriarca” (1969), temos uma alegoria filosófica: o Demônio é personagem, e a humanidade se en­contra num estado de total desesperança. Já em “O verdugo”, do mesmo ano, o carrasco de uma aldeia hesita em executar o Ho... [Leia mais]
R$ 20,00
preço de capa: R$ 22,90
economia de: R$ 2,90 (13%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$6,67 sem juros.
Em estoque.
Descrição
Transgressão também nos palcos Entre 1967 e 1969, já dedicando-se inteiramente à literatura, a até então poeta Hilda Hilst (1930-2004) escreve, de um fôlego só, oito peças de teatro. Estamos em pleno período do endurecimento da ditadura militar, com a perda das garantias individuais diante de um Estado autoritário. Toda sua obra dramatúrgico ecoará essa época. Em “A morte do patriarca” (1969), temos uma alegoria filosófica: o Demônio é personagem, e a humanidade se en­contra num estado de total desesperança. Já em “O verdugo”, do mesmo ano, o carrasco de uma aldeia hesita em executar o Homem, que professa discursos revolucionários e é amado pelo povo. Aqui, como em outras obras, a autora se debruça sobre a solidariedade como princípio humanizador incondicional. Cinco décadas depois de escrito, o teatro de Hilda Hilst mostra-se totalmente atual – e mais necessário do que nunca. ?“A autora é uma espécie de unicórnio dentro da dramaturgia brasileira.” - Anatol Rosenfeld

Dados Técnicos
Páginas: 176
Peso: 141g
ISBN: 9788525437624