A formação da elite colonial - Brasil c.1530- c.1630, livro de Rodrigo Ricupero

A formação da elite colonial - Brasil c.1530- c.1630


R$ 46,40
editora: ALAMEDA
assunto:
Esgotado, mas podemos checar na editora o prazo para reimpressão e em 48h entramos em contato informando-lhe. Que tal? Deixe seu email:
  • A margem esquerda - Contos de Kolimá 2, livro de Varlam Chalámov

    A margem esquerda - Contos de Kolimá 2

    Varlam Chalámov

    R$ 59,00
    R$ 48,38


  • O artista da pá - Contos de Kolimá 3, livro de Varlam Chalámov

    O artista da pá - Contos de Kolimá 3

    Varlam Chalámov

    R$ 68,00
    R$ 55,76


  • Do Socialismo Soviético ao Capitalismo Russo, livro de Lenina Pomeranz

    Do Socialismo Soviético ao Capitalismo Russo

    Lenina Pomeranz

    R$ 58,00
    R$ 47,56


  • Che Guevara e o debate econômico em Cuba, livro de Luis Bernardo Pericás

    Che Guevara e o debate econômico em Cuba

    Luis Bernardo Pericás

    R$ 59,00
    R$ 41,30


  • Um mundo sem guerras - A ideia de paz das promessas do passado às tragédias do presente, livro de Domenico Losurdo

    Um mundo sem guerras - A ideia de paz das promessas do passado às tragédias do presente

    Domenico Losurdo

    R$ 89,00
    R$ 72,98


  • Drogas - A história do proibicionismo, livro de Henrique Carneiro

    Drogas - A história do proibicionismo

    Henrique Carneiro

    R$ 50,00
    R$ 44,10


  • A classe trabalhadora: de Marx ao nosso tempo, livro de Marcelo Badaró Mattos

    A classe trabalhadora: de Marx ao nosso tempo

    Marcelo Badaró Mattos

    R$ 42,00
    R$ 29,40


Descrição
A COLONIZAÇÃO DO BRASIL pode ser analisada através da divisão de tarefas entre a Coroa portuguesa e seus vassalos. Quase ausente nos primeiros tempos, a Coroa assumiria, após a criação do Governo-geral, papel cada vez maior, sem nunca abandonar o auxílio dos vassalos.

O historiador Rodrigo Ricupero mostra neste livro que as tarefas necessárias para a colonização das novas terras só podiam ser assumidas por vassalos com recursos. Os serviços prestados exigiam cabedais, mas os prêmios recompensadores estimulavam novos empenhos em escala crescente. A lógica era que o dinheiro gasto voltaria multiplicado em mercês diversas, materiais (terras, cargos etc.) ou simbólicas.

No Brasil, a distribuição de mercês, ao reforçar o poder econômico, também permitiria ou facilitaria a prestação de novos serviços. Constituía-se uma elite detentora de recursos, proprietária de terras e escravos, comprometida com o processo de ocupação e que forneceria os quadros para administração colonial. Esse processo, ao associar a elite ao governo, além de dividir as tarefas entre a Coroa e os vassalos, reforçava os laços de solidariedade, garantindo a fidelidade destes à metrópole.

O período de formação da nascente elite colonial teria ocorrido de 1530 – início da colonização de fato – até meados do século XVII. Nesse período de conquista e consolidação do domínio português da costa atlântica, entre São Vicente e Belém, cada etapa de avanço serviu para o fortalecimento da elite colonial, possibilitando a ocupação de novas terras e o cativeiro de milhares de índios.

Os dois movimentos – de formação da elite colonial e de conquista e consolidação da fachada atlântica – foram paralelos e complementares. E, dado que a necessidade de defesa do território recém-conquistado exigia o povoamento e a instalação de uma estrutura produtiva, pode-se apontar que a dinâmica colonial, nos moldes do chamado Antigo Sistema Colonial, estruturou-se nessa etapa.

Sobre o autor

Rodrigo Ricupero é Doutor em História Econômica pela Universidade de São Paulo, pesquisador da Cátedra Jaime Cortesão e atualmente desenvolve um projeto de Pró-Doc/Capes no Programa de Pós-Graduação em História Econômica da USP.

Dados Técnicos
Peso: 615g
ISBN: 9788598325842
Google Books Preview





A 30PorCento é uma livraria virtual cuja missão principal é potencializar, através dos livros, a renovação do pensamento crítico brasíleiro. Oferecemos livros com desconto em todo nosso catálogo.

Frete: além do Sedex e das entregas de Bicicleta, utilizamos também uma categoria especial e econômica para postagem de livros no correio chamada Impresso com Registro Módico, cujo preço é fixo, por peso, para qualquer cidade do Brasil.

Política de troca e devolução: produtos vendidos e enviados pela Livraria 30porcento podem ser devolvidos em até 30 dias após o recebimento do pedido. Para receber o reembolso total, os produtos devolvidos devem estar em condições de novo. Produtos com defeito podem ser devolvidos no prazo de garantia legal solicitados por email em até 30 dias.


Link para a revista literária O Benedito.

> 7LETRAS
> ALEPH
> ALFAGUARA
> AMARILYS
> ANNABLUME
> ATELIE
> AUTENTICA
> AUTONOMIA LITERÁRIA
> BEM-TE-VI
> BIBLIOTECA AZUL
> BLUCHER
> BOITEMPO
> CARAMBAIA
> COMPANHIA DAS LETRAS
> CORTEZ
> COSACNAIFY
> DISCURSO EDITORIAL
> EDIÇÕES LOYOLA
> EDIPRO
> EDITORA 34
> EDITORA UFRJ
> EDITORA UFV
> EDIÇÕES 70
> EDUEL
> EDUEM
> EDUERJ
> EDUFPA
> EDUSP
> ELEFANTE
> ESTAÇÃO LIBERDADE
> EXPRESSÃO POPULAR
> GLOBAL
> HEDRA
> HUMANITAS
> ILUMINURAS
> INSTITUTO MOREIRA SALLES
> INSTITUTO PIAGET
> MANOLE
> MARTINS FONTES
> MERCADO DE LETRAS
> MUNDARÉU
> NOVA ALEXANDRIA
> NOVA FRONTEIRA
> MUSA
> OCTAVO
> PALAS ATHENA
> PAZ E TERRA
> PERSPECTIVA
> PONTES
> RADIO LONDRES
> SENAC
> SESC SP
> TINTA DA CHINA
> TODAVIA
> TORDESILHAS
> UBU EDITORA
> UNESP
> UNICAMP
> VOZES
> WMF MARTINS FONTES
> ZAHAR
+ editoras




Blog Não Gosto de Plágio - a polêmica do plágio de traduções literárias no Brasil, por Denise Bottmann