Estudos sobre as tragédias de Sêneca, livro de Zélia de Almeida Cardoso

Estudos sobre as tragédias de Sêneca

editora: ALAMEDA
Lúcio Aneu Sêneca – também conhecido como Sêneca, o Filósofo – foi uma das figuras mais importantes do mundo intelectual romano do século I de nossa era, tendo aliado às atividades políticas que desempenhou uma significativa produção filosófica e literária. Como homem público, ocupou cargos de magistratura e foi conselheiro de Nero, de quem havia sido preceptor; representou um papel ativo junto ao poder desde a aclamação do jovem imperador, em 54 d.C., até 62, quando se afastou definitivamente da vida palaciana.

Como escritor, compôs textos filosóficos e tragédias. Nos primei... [Leia mais]
R$ 38,59
preço de capa: R$ 44,00
economia de: R$ 5,41 (12%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$12,86 sem juros.
Apenas 3 em estoque.
Descrição
Lúcio Aneu Sêneca – também conhecido como Sêneca, o Filósofo – foi uma das figuras mais importantes do mundo intelectual romano do século I de nossa era, tendo aliado às atividades políticas que desempenhou uma significativa produção filosófica e literária. Como homem público, ocupou cargos de magistratura e foi conselheiro de Nero, de quem havia sido preceptor; representou um papel ativo junto ao poder desde a aclamação do jovem imperador, em 54 d.C., até 62, quando se afastou definitivamente da vida palaciana.

Como escritor, compôs textos filosóficos e tragédias. Nos primeiros, principalmente nas Cartas a Lucílio, permeadas do pensamento estóico, procurou mostrar que o importante, para o homem, é saber fazer face às dificuldades e percalços, viver em conformidade com a natureza e cultuar a virtude, o que representa uma adesão voluntária à ordem universal.

Considerando os vícios, a maldade, a insensatez e, sobretudo, as paixões como fatores de desequilíbrio da ordem, que provocam o rompimento das leis naturais e acarretam conseqüências desastrosas, Sêneca propõe, para que se atinja a felicidade, o exercício da virtude, o domínio dos sentimentos e o enfrentamento das vicissitudes com tranqüilidade absoluta, ou seja, com a preconizada impassibilidade estóica, a apátheia.

Sobre a autora

ZÉLIA DE ALMEIDA CARDOSO é licenciada em Letras Clássicas, Doutora em Letras e Livre-Docente de Literatura Latina pela Universidade de São Paulo, onde leciona desde 1972. Foi presidente da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos (SBEC), entidade da qual é sócia fundadora. É autora de resenhas, ensaios e livros, dos quais se destacam A literatura latina, As troianas (Troades) e Iniciação ao latim.

Sumário

A tragédia latina: origem e história

As tragédias de Sêneca

Fontes das tragédias de Sêneca

Intertextualidade em Medéia

A tragédia de Sêneca: discurso ou espetáculo?

O discurso como elemento caracterizador do espetáculo em As troianas

O discurso de Hécuba em As troianas e a caracterização da personagem trágica

O tratamento das paixões nas tragédias

Teorias políticas nas tragédias

Vicissitudes que afligem os detentores do poder

O discurso de Hipólito em Fedra e a recusa da urbs

A presença da morte em As Troianas

Uma tragédia incompleta: As fenícias

Dados Técnicos
Peso: 401g
ISBN: 9788598325149