Arte e Agência, livro de Alfred Gell

Arte e Agência


R$ 63,92
preço de capa: R$ 68,00
economia de: R$ 4,08 (6%)
editora: UBU
prazo: Sob encomenda. Envio em 4 dias úteis + frete
   adicionar ao carrinho
  • Giacometti (Brochura), livro de Véronique Wiesinger (Org.)

    Giacometti (Brochura)

    Véronique Wiesinger (Org.)

    R$ 80,00
    R$ 64,00


  • A Autobiografia de Alice B. Toklas, livro de Gertrude Stein

    A Autobiografia de Alice B. Toklas

    Gertrude Stein

    R$ 69,00
    R$ 55,20


  • Os Passos em Volta, livro de Herberto Helder

    Os Passos em Volta

    Herberto Helder

    R$ 69,00
    R$ 55,20


  • Exercícios - (Askhmata), livro de Shaftesbury

    Exercícios - (Askhmata)

    Shaftesbury

    R$ 48,00
    R$ 39,36


  • O conto da ilha desconhecida, livro de José Saramago

    O conto da ilha desconhecida

    José Saramago

    R$ 34,90
    R$ 26,18


  • A viagem do elefante, livro de José Saramago

    A viagem do elefante

    José Saramago

    R$ 49,90
    R$ 37,43


  • Significado nas Artes Visuais, livro de Erwin Panofsky

    Significado nas Artes Visuais

    Erwin Panofsky

    R$ 75,00
    R$ 67,50


Descrição
Com este livro, o antropólogo britânico Alfred Gell inova tanto a leitura tradicional que a antropologia fez da chamada arte primitiva, como questiona a teoria da arte de um modo geral, ao adotar como eixo de seu argumento o conceito de agência; o autor defende que a obra de arte, produzida por indivíduos ou coletivamente, é dotada de intencionalidade, isto é, sua existência influencia os pensamentos e as ações de seu público; criticando as teorias antropológicas e estéticas existentes que assumem um ponto de vista passivo, e questionando o critério que delega o status de arte somente a uma determinada classe de objetos e não a outras, Gell reformula a antropologia da arte como uma teoria da ação: objetos artísticos, carregados de intencionalidades, são agentes de relações sociais; sua teoria lança mão, ainda, da noção de “objeto distribuído” da antropologia melanésia, de conceitos da psicologia dos padrões e das percepções e da semiótica, tomando exemplos provenientes de todo o mundo, desde a arte europeia (de Leonardo da Vinci a Duchamp), passando pela Índia, África, e em especial a Polinésia e a Melanésia, onde realizou seu trabalho de campo.

Dados Técnicos
Páginas: 400
Peso: 522g
ISBN: 9788592886875
Google Books Preview





A 30PorCento é uma livraria virtual cuja missão principal é potencializar, através dos livros, a renovação do pensamento crítico brasíleiro. Oferecemos livros com desconto em todo nosso catálogo.

Frete: além do Sedex e das entregas de Bicicleta, utilizamos também uma categoria especial e econômica para postagem de livros no correio chamada Impresso com Registro Módico, cujo preço é fixo, por peso, para qualquer cidade do Brasil.

Política de troca e devolução: produtos vendidos e enviados pela Livraria 30porcento podem ser devolvidos em até 30 dias após o recebimento do pedido. Para receber o reembolso total, os produtos devolvidos devem estar em condições de novo. Produtos com defeito podem ser devolvidos no prazo de garantia legal solicitados por email em até 30 dias.


Link para a revista literária O Benedito.

> 7LETRAS
> ALEPH
> ALFAGUARA
> AMARILYS
> ANNABLUME
> ATELIE
> AUTENTICA
> AUTONOMIA LITERÁRIA
> BEM-TE-VI
> BIBLIOTECA AZUL
> BLUCHER
> BOITEMPO
> CARAMBAIA
> COMPANHIA DAS LETRAS
> CORTEZ
> COSACNAIFY
> DISCURSO EDITORIAL
> EDIÇÕES LOYOLA
> EDIPRO
> EDITORA 34
> EDITORA UFRJ
> EDITORA UFV
> EDIÇÕES 70
> EDUEL
> EDUEM
> EDUERJ
> EDUFPA
> EDUSP
> ELEFANTE
> ESTAÇÃO LIBERDADE
> EXPRESSÃO POPULAR
> GLOBAL
> HEDRA
> HUMANITAS
> ILUMINURAS
> INSTITUTO MOREIRA SALLES
> INSTITUTO PIAGET
> MANOLE
> MARTINS FONTES
> MERCADO DE LETRAS
> MUNDARÉU
> NOVA ALEXANDRIA
> NOVA FRONTEIRA
> MUSA
> OCTAVO
> PALAS ATHENA
> PAZ E TERRA
> PERSPECTIVA
> PONTES
> RADIO LONDRES
> SENAC
> SESC SP
> TINTA DA CHINA
> TODAVIA
> TORDESILHAS
> UBU EDITORA
> UNESP
> UNICAMP
> VOZES
> WMF MARTINS FONTES
> ZAHAR
+ editoras




Blog Não Gosto de Plágio - a polêmica do plágio de traduções literárias no Brasil, por Denise Bottmann