Guerra e Pacto Colonial: A Bahia Contra o Brasil Holandês - 1624-1654, livro de Wolfgang Lenk

Guerra e Pacto Colonial: A Bahia Contra o Brasil Holandês - 1624-1654

editora: ALAMEDA
Neste livro são avaliados os problemas causados pela guerra à elite colonial, os elementos de desgaste em sua relação com o poder metropolitano e a maneira como foram contidos e contornados por aqueles que intermediavam essa relação, com o claro objetivo de garantir a lealdade à coroa portuguesa dos moradores da Bahia. Sob o ponto de vista da análise conceitual, este trabalho remete ao tema da relação entre a acumulação primitiva de capital mercantil promovida pela colonização mercantilista e areprodução das formas de organização social e manutenção da ordem na colônia. Wolfgang Lenk mostra... [Leia mais]
R$ 56,50
preço de capa: R$ 79,00
economia de: R$ 22,50 (28%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$5,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$18,83 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição
Neste livro são avaliados os problemas causados pela guerra à elite colonial, os elementos de desgaste em sua relação com o poder metropolitano e a maneira como foram contidos e contornados por aqueles que intermediavam essa relação, com o claro objetivo de garantir a lealdade à coroa portuguesa dos moradores da Bahia. Sob o ponto de vista da análise conceitual, este trabalho remete ao tema da relação entre a acumulação primitiva de capital mercantil promovida pela colonização mercantilista e areprodução das formas de organização social e manutenção da ordem na colônia. Wolfgang Lenk mostra que isto aconteceu desde cedo, pois a guerra contra os holandeses teve um enorme impacto financeiro no Império. O historiador nos revela como as relações entre a sociedade colonial estabelecida na Bahia e a monarquia portuguesa desenharam-se de forma muito peculiar. A aproximação entre os interesses da açucarocracia e da administração explicam a “lealdadade baiana”, mesmo nos momentos de maior opressão fiscal. Mas lealdade não significava adesão, ausência de conflito, muito pelo contrário. A história tem nos mostrado que o século XVII é um século de crise global, de crise local e de grande tensão social.

Dados Técnicos
Páginas: 478
Peso: 705g
ISBN: 9788579392009