Leitores de Tinta e Papel, livro de Alexandro Henrique Paixão

Leitores de Tinta e Papel

Há uma ideia corrente segundo a qual pouco se lia no Brasil no século XIX. Contrariando essa máxima, muito repetida mas pouco fundamentada, o livro Leitores de tinta e papel apresenta contundentes dados sobre uma fração do público leitor de literatura no Rio de Janeiro e em São Paulo, em meados do século XIX - mais especificamente sobre leitores de romances e crônicas publicados na forma de folhetins em jornais das duas cidades. Provavelmente, havia poucos leitores eruditos no Brasil no século XIX, que leriam aquilo que seus herdeiros intelectuais apreciariam no futuro. Mas havia quem devor... [Leia mais]
R$ 53,38
preço de capa: R$ 74,00
economia de: R$ 20,62 (28%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$17,79 sem juros.
Apenas 3 em estoque.
Descrição
Há uma ideia corrente segundo a qual pouco se lia no Brasil no século XIX. Contrariando essa máxima, muito repetida mas pouco fundamentada, o livro Leitores de tinta e papel apresenta contundentes dados sobre uma fração do público leitor de literatura no Rio de Janeiro e em São Paulo, em meados do século XIX - mais especificamente sobre leitores de romances e crônicas publicados na forma de folhetins em jornais das duas cidades. Provavelmente, havia poucos leitores eruditos no Brasil no século XIX, que leriam aquilo que seus herdeiros intelectuais apreciariam no futuro. Mas havia quem devorasse textos e mais textos de Alexandre Dumas, Eugène Sue, Pigault Lebrun, Camilo Castelo Branco, José de Alencar, Fagundes Varela entre tantos outros. Felizmente, eles também tiveram herdeiros intelectuais, inteligentes e vigorosos, como Alexandro Paixão, autor deste livro.

Dados Técnicos
Páginas: 336
Peso: 508g
ISBN: 9788575914427