Sujeito, Clínica e Psicose: Entrelaçamentos, livro de Suely Aires

Sujeito, Clínica e Psicose: Entrelaçamentos


R$ 38,40
preço de capa: R$ 48,00
economia de: R$ 9,60 (20%)
assunto:
prazo: Postagem em 1 dia útil + frete
Apenas 1 em estoque.
   adicionar ao carrinho
Descrição
Psicose, sujeito, teoria e clínica. Conhecemos muito bem a complexidade que circunda essas noções, principalmente quando se trata de articulá-las para melhor situá-las e entendê-las. Tarefa nada fácil a que se propôs Suely Aires. Sua hipótese, a saber, é defender que os questionamentos lacanianos em torno da noção de sujeito procedem da clínica, mais especificamente, da clínica das psicoses. Qual, então, a novidade? Apesar de aparentemente simples, tal hipótese sempre foi desconsiderada no campo filosófico. Chamo atenção, portanto, para uma primeira grande dificuldade, enfrentada pela nossa autora: o fato de que nem sempre é possível percebermos qual o papel do sujeito na obra de Lacan, visto que seu movimento, na tentativa de isolá-lo (o sujeito), assume formas as mais diversas em pontos diferentes do seu ensino, sendo que nem todas essas formas parecem convergir para qualquer conceito de subjetividade de fácil identificação. Sendo assim, não há a possibilidade de se evidenciar a existência de um sujeito lacaniano, visto que a sua demonstração nos é impossível. Para Lacan, o sujeito nunca é mais do que suposto, isto é, nunca é mais do que uma suposição de saber de nossa parte. O pensador esloveno Slavoj Zizek, por exemplo, para falar desse sujeito, direciona o foco do seu interesse sobre uma certa falta/excesso na ordem do ser, o que se mostra fundamental, na medida em que, em cada um desses casos, haverá sempre uma evidência crescente na negatividade, enquanto pano de fundo essencial de todo ser. Seria, entretanto, nessa perspectiva, que ele afirma uma visão da subjetividade como algo que manifesta uma passagem pela loucura, numa tentativa ininterrupta de imposição de uma integridade simbólica, diante de uma constante ameaça de desintegração e negatividade. E é, pois, por essa passagem pela loucura, mais especificamente pela clínica das psicoses, que a nossa autora desenvolve a sua pertinente defesa, nos apresentando um instigante e exitoso texto.

Dados Técnicos
Páginas: 172
Peso: 202g
ISBN: 9788575914113
Google Books Preview





A 30PorCento é uma livraria virtual cuja missão principal é potencializar, através dos livros, a renovação do pensamento crítico brasíleiro. Oferecemos livros com desconto em todo nosso catálogo.

Frete: além do Sedex e das entregas de Bicicleta, utilizamos também uma categoria especial e econômica para postagem de livros no correio chamada Impresso com Registro Módico, cujo preço é fixo, por peso, para qualquer cidade do Brasil.

Política de troca e devolução: produtos vendidos e enviados pela Livraria 30porcento podem ser devolvidos em até 30 dias após o recebimento do pedido. Para receber o reembolso total, os produtos devolvidos devem estar em condições de novo. Produtos com defeito podem ser devolvidos no prazo de garantia legal solicitados por email em até 30 dias.


Link para a revista literária O Benedito.

> 7LETRAS
> ALEPH
> ALFAGUARA
> AMARILYS
> ANNABLUME
> ATELIE
> AUTENTICA
> AUTONOMIA LITERÁRIA
> BEM-TE-VI
> BIBLIOTECA AZUL
> BLUCHER
> BOITEMPO
> CARAMBAIA
> COMPANHIA DAS LETRAS
> CORTEZ
> COSACNAIFY
> DISCURSO EDITORIAL
> EDIÇÕES LOYOLA
> EDIPRO
> EDITORA 34
> EDITORA UFRJ
> EDITORA UFV
> EDIÇÕES 70
> EDUEL
> EDUEM
> EDUERJ
> EDUFPA
> EDUSP
> ELEFANTE
> ESTAÇÃO LIBERDADE
> EXPRESSÃO POPULAR
> GLOBAL
> HEDRA
> HUMANITAS
> ILUMINURAS
> INSTITUTO MOREIRA SALLES
> INSTITUTO PIAGET
> MANOLE
> MARTINS FONTES
> MERCADO DE LETRAS
> MUNDARÉU
> NOVA ALEXANDRIA
> NOVA FRONTEIRA
> MUSA
> OCTAVO
> PALAS ATHENA
> PAZ E TERRA
> PERSPECTIVA
> PONTES
> RADIO LONDRES
> SENAC
> SESC SP
> TINTA DA CHINA
> TODAVIA
> TORDESILHAS
> UBU EDITORA
> UNESP
> UNICAMP
> VOZES
> WMF MARTINS FONTES
> ZAHAR
+ editoras




Blog Não Gosto de Plágio - a polêmica do plágio de traduções literárias no Brasil, por Denise Bottmann