Psicanálise. Política e Cultura, livro de Maria Cristina Poli, Simone Moschen, Anna Carolina Lo Bianco

Psicanálise. Política e Cultura

Desde suas origens no pensamento freudiano até suas elaborações mais recentes, a psicanálise mantém sua leitura da subjetividade indiscernível de uma teoria social. A mais do que caduca distinção entre indivíduo e sociedade, fruto ela mesma da entificação abstrata desses conceitos, encontra no cerne do discurso analítico sua crítica radical: as formações do inconsciente, primeiro elemento clínico destacado por Freud, são sempre e por princípio produções de fronteira entre eu e Outro. Nenhuma necessidade portanto de adjetivar o inconsciente como coletivo, como ainda demanda uma certa psicolo... [Leia mais]
R$ 48,38
preço de capa: R$ 66,00
economia de: R$ 17,62 (27%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$16,13 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição
Desde suas origens no pensamento freudiano até suas elaborações mais recentes, a psicanálise mantém sua leitura da subjetividade indiscernível de uma teoria social. A mais do que caduca distinção entre indivíduo e sociedade, fruto ela mesma da entificação abstrata desses conceitos, encontra no cerne do discurso analítico sua crítica radical: as formações do inconsciente, primeiro elemento clínico destacado por Freud, são sempre e por princípio produções de fronteira entre eu e Outro. Nenhuma necessidade portanto de adjetivar o inconsciente como coletivo, como ainda demanda uma certa psicologia. Trata-se antes de recolher os efeitos éticos e espistêmicos da subversão dessa dicotomia, fundante de um certo programa de ciência.

Dados Técnicos
Páginas: 220
Peso: 313g
ISBN: 9788575912812