Universidade contemporânea - Políticas do Processo de Bolonha, livro de Elisabete Monteiro de Aguiar Pereira, Maria de Lourdes Pinto de Almeida (Orgs.)

Universidade contemporânea - Políticas do Processo de Bolonha

assunto:
Este livro sobre as atuais políticas de educação superior da Europa, conhecidas como “Processo de Bolonha”, traz importantes textos tanto da perspectiva de autores europeus que as estão vivenciando, como de autores brasileiros apresentando uma análise crítica de seus princípios, objetivos e compromissos políticos. O livro assume importância uma vez que o Processo de Bolonha abrange atualmente, 45 países. O texto interessa a todo estudioso, ou professor universitário, que deseja conhecer questões implicadas tanto na estrutura das instituições de educação superior como no desenvolvimento curr... [Leia mais]
R$ 40,36
preço de capa: R$ 49,00
economia de: R$ 8,64 (18%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$13,45 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição
Este livro sobre as atuais políticas de educação superior da Europa, conhecidas como “Processo de Bolonha”, traz importantes textos tanto da perspectiva de autores europeus que as estão vivenciando, como de autores brasileiros apresentando uma análise crítica de seus princípios, objetivos e compromissos políticos. O livro assume importância uma vez que o Processo de Bolonha abrange atualmente, 45 países. O texto interessa a todo estudioso, ou professor universitário, que deseja conhecer questões implicadas tanto na estrutura das instituições de educação superior como no desenvolvimento curricular destas.

A intenção de publicar um livro sobre a política da educação superior européia foi a de possibilitar ao público brasileiro um contato mais sistematizado com o denominado “Processo de Bolonha”, ao qual se integram 45 países europeus. Os capítulos aqui reunidos apresentam debates sobre essa política que, de uma forma ou outra, está modificando a estruturação da educação superior, das instituições e dos currículos de todas as universidades européias. O Processo de Bolonha tem uma perspectiva político-educativa com a formalização de um sistema europeu de ensino superior que vai para além das questões pedagógicas e curriculares.

O sistema tem seu marco oficial na Declaração de Bolonha de Junho de 1999, e seus princípios estão assentados na idéia base de ser um sistema flexível que permita a mobilidade de estudantes e docentes entre os países pertencentes à Comunidade Européia e a de instituir um diploma de graduação reconhecido em todos os países membro. A proposição desse sistema suscitou muitas discussões em torno das questões sobre universidade, sobre seu papel, sobre as próprias condições de mobilidade e sobre as formas de estruturar o currículo universitário. Este último tem merecido especial debate. O entendimento curricular é o de uma arquitetura regida por homogêneos princípios de formação e de tempo acadêmico, com a finalidade de ser possibilitado o reconhecimento dos diferentes graus acadêmicos – graduação e pós-graduação – no âmbito europeu. A comunidade acadêmica brasileira tem acompanhado o desenvolvimento desse processo através de palestras, debates e publicações. A intenção de organizar esta coletânea com artigos escritos por estudiosos da questão, tanto no âmbito europeu como no âmbito brasileiro, foi a de possibilitar uma análise das diferentes apreciações feitas aos seus princípios, objetivos e desenvolvimento.

Dados Técnicos
Peso: 350g
ISBN: 9788575911075