A jaula de aço - Max Weber e o marxismo weberiano, livro de Michael Löwy

A jaula de aço - Max Weber e o marxismo weberiano


R$ 29,40
preço de capa: R$ 42,00
economia de: R$ 12,60 (30%)
editora: BOITEMPO
Esgotado, mas podemos checar na editora o prazo para reimpressão e em 48h entramos em contato informando-lhe. Que tal? Deixe seu email:
  • Para entender O Capital: Livros II e III, livro de David Harvey

    Para entender O Capital: Livros II e III

    David Harvey

    R$ 67,00
    R$ 46,90


  • O Capital - Livro II, livro de Karl Marx

    O Capital - Livro II

    Karl Marx

    R$ 98,00
    R$ 68,60


  • A nova razão do mundo - Ensaios sobre a sociedade neoliberal, livro de Christian Laval, Pierre Dardot

    A nova razão do mundo - Ensaios sobre a sociedade neoliberal

    Christian Laval, Pierre Dardot

    R$ 73,00
    R$ 51,10


  • Os despossuídos - debates sobre a lei referente ao furto de madeira, livro de Karl Marx

    Os despossuídos - debates sobre a lei referente ao furto de madeira

    Karl Marx

    R$ 29,00
    R$ 20,30


  • Dicionário Gramsciano (1926-1937), livro de Guido Liguori, Pasquale Voza

    Dicionário Gramsciano (1926-1937)

    Guido Liguori, Pasquale Voza

    R$ 125,00
    R$ 87,50


  • As armas da crítica - Antologia do pensamento de esquerda, livro de Ivana Jinkings, Emir Sader (Orgs.)

    As armas da crítica - Antologia do pensamento de esquerda

    Ivana Jinkings, Emir Sader (Orgs.)

    R$ 42,00
    R$ 29,40


  • O capitalismo como religião, livro de Walter Benjamin, Michael Löwy (org.)

    O capitalismo como religião

    Walter Benjamin, Michael Löwy (org.)

    R$ 48,00
    R$ 33,60


Descrição
"A associação indispensável entre o pessimismo da razão e o otimismo da vontade constitui a trama deste livro"

As sínteses possíveis entre a teoria conservadora de Max Weber e a do revolucionário Karl Marx, na construção de uma crítica radical e urgente do progresso hoje

A jaula de aço inova ao mostrar analogias possíveis entre teorias tão divergentes quanto a do liberal Max Weber e Karl Marx, um dos fundadores do comunismo. Autor de diversas obras sobre Walter Benjamin e Marx, Löwy agora se debruça sobre as teorias weberianas menos conhecidas – como a "jaula de aço", que dá nome ao livro –, revela as críticas do pensador ao capitalismo e sua corrida desenfreada pelo lucro, que encerra a humanidade em um sistema implacável e a levará a um futuro sombrio.

A partir da tese weberiana de que a sociedade capitalista é a “jaula de aço” em que vivemos, Löwy aborda a temática do pessimismo cultural e elabora um diagnóstico da civilização capitalista burocrática – “dura como aço” – e o futuro que nos reserva. Estamos condenados à servidão dos novos tempos? Para o sociólogo, essa não era a convicção de Marx e no caso de Weber, encontra "uma janela aberta para a utopia", ou seja, a associação do pessimismo da razão com o otimismo da vontade em um famoso estudo sobre as “afinidades eletivas” entre a ética protestante e o espírito do capitalismo. "Marx e Weber são indispensáveis para compreender o mundo em que vivemos, pois, mais do que nunca, somos submetidos ao poder total de forças impessoais – o mercado, as finanças, a dívida, a crise, o desemprego – que se impõem aos indivíduos como um destino implacável. Jamais como em nossa época as regras de aço da civilização capitalista industrial moderna exerceram tamanha coerção sobre as populações", afirma Löwy.

O livro se divide em três partes – Weber, Marx e a “jaula de aço”; Max Weber sobre as afinidades eletivas; e Marxismo weberiano – e conta com capítulos destinados a analisar a influência anticapitalista que Weber exerceu sobre outros grandes pensadores, como Walter Benjamin, Maurice Merleau-Ponty, Ernst Bloch, além do icônico filósofo Lukács. No prefácio a esta edição, o autor aborda ainda o marxismo weberiano no Brasil. Saudado pela crítica internacional, A jaula de aço se consolida como uma importante obra para se entender o até então pouco explorado universo de afinidades e complementariedade entre Marx e Weber e dar nova luz às teorias de dois dos maiores intelectuais da história mundial, que deixaram rastro profundo nas ciências humanas e na cultura do século XX.

Dados Técnicos
Páginas: 144
Peso: 200g
ISBN: 9788575594018
Google Books Preview





A 30PorCento é uma livraria virtual cuja missão principal é potencializar, através dos livros, a renovação do pensamento crítico brasíleiro. Oferecemos livros com desconto em todo nosso catálogo.

Frete: além do Sedex e das entregas de Bicicleta, utilizamos também uma categoria especial e econômica para postagem de livros no correio chamada Impresso com Registro Módico, cujo preço é fixo, por peso, para qualquer cidade do Brasil.

Política de troca e devolução: produtos vendidos e enviados pela Livraria 30porcento podem ser devolvidos em até 30 dias após o recebimento do pedido. Para receber o reembolso total, os produtos devolvidos devem estar em condições de novo. Produtos com defeito podem ser devolvidos no prazo de garantia legal solicitados por email em até 30 dias.


Link para a revista literária O Benedito.

> 7LETRAS
> ALEPH
> ALFAGUARA
> AMARILYS
> ANNABLUME
> ATELIE
> AUTENTICA
> AUTONOMIA LITERÁRIA
> BEM-TE-VI
> BIBLIOTECA AZUL
> BLUCHER
> BOITEMPO
> CARAMBAIA
> COMPANHIA DAS LETRAS
> CORTEZ
> COSACNAIFY
> DISCURSO EDITORIAL
> EDIÇÕES LOYOLA
> EDIPRO
> EDITORA 34
> EDITORA UFRJ
> EDITORA UFV
> EDIÇÕES 70
> EDUEL
> EDUEM
> EDUERJ
> EDUFPA
> EDUSP
> ELEFANTE
> ESTAÇÃO LIBERDADE
> EXPRESSÃO POPULAR
> GLOBAL
> HEDRA
> HUMANITAS
> ILUMINURAS
> INSTITUTO MOREIRA SALLES
> INSTITUTO PIAGET
> MANOLE
> MARTINS FONTES
> MERCADO DE LETRAS
> MUNDARÉU
> NOVA ALEXANDRIA
> NOVA FRONTEIRA
> MUSA
> OCTAVO
> PALAS ATHENA
> PAZ E TERRA
> PERSPECTIVA
> PONTES
> RADIO LONDRES
> SENAC
> SESC SP
> TINTA DA CHINA
> TODAVIA
> TORDESILHAS
> UBU EDITORA
> UNESP
> UNICAMP
> VOZES
> WMF MARTINS FONTES
> ZAHAR
+ editoras




Blog Não Gosto de Plágio - a polêmica do plágio de traduções literárias no Brasil, por Denise Bottmann