Richard Wagner e a Música como Ideal Romântico, livro de Roger Lisardo

Richard Wagner e a Música como Ideal Romântico

editora: UNESP
assunto:
No ano em que se comemorava o centenário de nascimento de Beethoven, Wagner publica um ensaio em homenagem ao seu compatriota, cujo título nomeia o homenageado. Nesse texto, Wagner toma por base conceitos empregados na obra O mundo como vontade e representação de Schopenhauer e vê na obra beethoveniana a consagração do conceito de Idéia, a profundidade musical revelada no sublime, em oposição à superficialidade e idéias estéticas sazonais.

Este livro apresenta uma análise aprofundada desse importante texto do século XIX, o qual é pouco conhecido em língua portugu... [Leia mais]
Descrição
No ano em que se comemorava o centenário de nascimento de Beethoven, Wagner publica um ensaio em homenagem ao seu compatriota, cujo título nomeia o homenageado. Nesse texto, Wagner toma por base conceitos empregados na obra O mundo como vontade e representação de Schopenhauer e vê na obra beethoveniana a consagração do conceito de Idéia, a profundidade musical revelada no sublime, em oposição à superficialidade e idéias estéticas sazonais.

Este livro apresenta uma análise aprofundada desse importante texto do século XIX, o qual é pouco conhecido em língua portuguesa. A partir das idéias inseridas em Beethoven, o autor verifica três eixos de relações, a saber: a relação Wagner- Beethoven, a inserção desse texto na estética musical do século XIX e o uso da filosofia schopenhaueriana por Wagner como instrumento de legitimação filosófica, visando colocar Beethoven como fundador da Obra de Arte Total.

Dados Técnicos
Peso: 220g
ISBN: 9788571399075