Nenhum Homem É uma Ilha: John Donne e a Poética da Agudeza, livro de Lavinia Silvares

Nenhum Homem É uma Ilha: John Donne e a Poética da Agudeza

editora: FAP-UNIFESP

John Donne é reconhecido como o maior expoente da chamada “poesia metafísica” inglesa, cujo a característica é o uso sutil da metáfora aguda em conceitos engenhosos que provocam efeitos brilhantes, surpreendendo os leitores. Inventado por Samuel Johnson no século XVIII, o rótulo de “poesia metafísica” alude do intelectualismo desses conceitos, que os torna agudos e herméticos – ou mesmo abstrusos e ininteligíveis, segundo o próprio Johnson e outros adeptos de uma clareza linear do estilo. No século XX, T. S. Eliot e outros autores modernos promoveram uma revalorização crítica da poesia d... [Leia mais]

R$ 43,93
preço de capa: R$ 54,00
economia de: R$ 10,07 (19%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$14,64 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição

John Donne é reconhecido como o maior expoente da chamada “poesia metafísica” inglesa, cujo a característica é o uso sutil da metáfora aguda em conceitos engenhosos que provocam efeitos brilhantes, surpreendendo os leitores. Inventado por Samuel Johnson no século XVIII, o rótulo de “poesia metafísica” alude do intelectualismo desses conceitos, que os torna agudos e herméticos – ou mesmo abstrusos e ininteligíveis, segundo o próprio Johnson e outros adeptos de uma clareza linear do estilo. No século XX, T. S. Eliot e outros autores modernos promoveram uma revalorização crítica da poesia de Donne, admirando sua complexa harmonia de dissonâncias.



Dados Técnicos
Peso: 721g
ISBN: 9788561673932