Linguística e Marxismo: Condições de Emergência Para uma Teoria do Discurso Francesa no Brasil, livro de João Kogawa

Linguística e Marxismo: Condições de Emergência Para uma Teoria do Discurso Francesa no Brasil

editora: FAP-UNIFESP

Este livro resgata o trabalho do filósofo Carlos Henrique Escobar, que, nas décadas de 1960 e 1970, traduziu, discutiu e difundiu estudos franceses que articulavam marxismo com linguística e apontavam as relações entre discursos, sujeitos e ideologias. Dialogando com os trabalhos de Althusser e Pêcheux e apontando lacunas e reinterpretações da obra de Saussure, Escobar propunha uma Ciência dos Discursos Ideológicos assentada em Marx, Saussure e Freud, considerando a língua um produto histórico-ideológico e o discurso  uma materialização da ideologia. Porém esse projeto teórico e político... [Leia mais]

R$ 37,13
preço de capa: R$ 48,00
economia de: R$ 10,87 (23%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$12,38 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição

Este livro resgata o trabalho do filósofo Carlos Henrique Escobar, que, nas décadas de 1960 e 1970, traduziu, discutiu e difundiu estudos franceses que articulavam marxismo com linguística e apontavam as relações entre discursos, sujeitos e ideologias. Dialogando com os trabalhos de Althusser e Pêcheux e apontando lacunas e reinterpretações da obra de Saussure, Escobar propunha uma Ciência dos Discursos Ideológicos assentada em Marx, Saussure e Freud, considerando a língua um produto histórico-ideológico e o discurso  uma materialização da ideologia. Porém esse projeto teórico e político que se construía foi interrompido por força da repressão ditatorial. Reconstitui-se, pois, nesta obra, a história–plena de percalços - da elaboração do campo da Análise do Discurso no Brasil.



Dados Técnicos
Peso: 400g
ISBN: 9788555710018