Deveres e deleites -  Uma vida de passeur - Entrevistas com Catherine Portevin, livro de Tzvetan Todorov

Deveres e deleites - Uma vida de passeur - Entrevistas com Catherine Portevin

editora: UNESP
“Que profissão eu deveria colocar em meu cartão de visitas: historiador, antropólogo, filósofo? Prefiro não escolher. Não me reconheço na filosofia pura, não domino bem essa postura, não fico à vontade no discurso inteiramente abstrato. A antropologia filosófica me convém melhor, mas ela não existe como disciplina autônoma. Historiador, talvez, com a condição de incluir no objeto da história a vida moral, a vida estética. Em certa época, eu dizia que queria buscar o ‘sentido moral’ da história.” Talvez Todorov seja um intelectual inclassificável. Segundo o próprio, talvez “humanista” seja o... [Leia mais]
R$ 82,00
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$5,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$27,33 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição
“Que profissão eu deveria colocar em meu cartão de visitas: historiador, antropólogo, filósofo? Prefiro não escolher. Não me reconheço na filosofia pura, não domino bem essa postura, não fico à vontade no discurso inteiramente abstrato. A antropologia filosófica me convém melhor, mas ela não existe como disciplina autônoma. Historiador, talvez, com a condição de incluir no objeto da história a vida moral, a vida estética. Em certa época, eu dizia que queria buscar o ‘sentido moral’ da história.” Talvez Todorov seja um intelectual inclassificável. Segundo o próprio, talvez “humanista” seja o único rótulo que lhe caberia em qualquer época de sua vida como pesquisador e escritor. Neste livro, estão reunidas as entrevistas que ele concedeu a Catherine Portevin, nas quais lhe foi proposta a difícil tarefa de se debruçar sobre a própria obra e avaliar os elementos biográficos que teriam contribuído para suas escolhas intelectuais.

Dados Técnicos
Páginas: 476
Peso: 568g
ISBN: 9788539307890