Margens da Democracia: A Literatura e a Questão da Diferença, livro de Marcos Siscar

Margens da Democracia: A Literatura e a Questão da Diferença

editora: UNICAMP
Tomadas como conteúdos autônomos, ou seja, como respostas prontas para situações em que o discurso é colocado à prova, “democracia” e “literatura” acabam muitas vezes por dar forma até mesmo às nossas perguntas, estabelecendo a pauta do discurso exatamente no lugar onde este deveria mostrar-se mais exigente e questionador. Evocar as margens da democracia, no contexto de uma reflexão sobre a literatura, é também um modo de destacar os dispositivos que sustentam essas noções e, portanto, de problematizar o uso que delas é feito no discurso crítico, retirando-as de sua mera instrumentalização ... [Leia mais]
R$ 50,88
preço de capa: R$ 77,00
economia de: R$ 26,12 (34%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$6,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$16,96 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição
Tomadas como conteúdos autônomos, ou seja, como respostas prontas para situações em que o discurso é colocado à prova, “democracia” e “literatura” acabam muitas vezes por dar forma até mesmo às nossas perguntas, estabelecendo a pauta do discurso exatamente no lugar onde este deveria mostrar-se mais exigente e questionador. Evocar as margens da democracia, no contexto de uma reflexão sobre a literatura, é também um modo de destacar os dispositivos que sustentam essas noções e, portanto, de problematizar o uso que delas é feito no discurso crítico, retirando-as de sua mera instrumentalização como objeto (literatura) ou como contexto (democracia). Neste volume, textos de pesquisadores de universidades brasileiras e estrangeiras ilustram e problematizam a necessidade de tal reflexão, em leituras de textos de Roberto Bolaño, Abdelkebir Khatibi, Jacques Derrida, Paulo Henriques Britto, Arthur Rimbaud, Nuno Ramos, Mallarmé, Jean-Marie Gleize e Paulo Lins. Trata-se de questionar algo que poder ia ser descrito como um uso piedoso das palavras democracia e literatura Mais do que repetir suas promessas de plenitude ou do que tratá-las como meros resíduos humanistas, cabe explicitar o fato de que continuam faltando a si mesmas – condição de possibilidade de qualquer debate.

Dados Técnicos
Páginas: 384
Peso: 422g
ISBN: 9788526813021