Leis da sorte - O jogo do bicho e a construção da vida pública urbana, livro de Amy Chazkel

Leis da sorte - O jogo do bicho e a construção da vida pública urbana

editora: UNICAMP
assunto:
Ao apresentar o livro de Amy Chazkel, permitam-me uma reminiscência. Em minha infância, vivida no Rio de Janeiro, ouvi várias vezes, de gente adulta e sisuda, que o jogo do bicho era a atividade mais honesta que havia na cidade. Lá, dizia-se, quem acerta ganha o que lhe é devido, sem apelação. Mas aquela gente sisuda também dizia, para perplexidade do menino, que o jogo era ilegal, às vezes dava polícia. Precisei esperar muitos anos para ler Leis da sorte e entender a complexidade da história que aqueles diálogos arranhavam. Chazkel explora a “ilegalidade ambivalente” desse tipo de... [Leia mais]
R$ 72,50
preço de capa: R$ 94,00
economia de: R$ 21,50 (23%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$5,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$24,17 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição
Ao apresentar o livro de Amy Chazkel, permitam-me uma reminiscência. Em minha infância, vivida no Rio de Janeiro, ouvi várias vezes, de gente adulta e sisuda, que o jogo do bicho era a atividade mais honesta que havia na cidade. Lá, dizia-se, quem acerta ganha o que lhe é devido, sem apelação. Mas aquela gente sisuda também dizia, para perplexidade do menino, que o jogo era ilegal, às vezes dava polícia. Precisei esperar muitos anos para ler Leis da sorte e entender a complexidade da história que aqueles diálogos arranhavam. Chazkel explora a “ilegalidade ambivalente” desse tipo de loteria, mostra que a história acontece no vão criado pela lei que não se cumpre nem se deixa de cumprir. Tal ambivalência institui o espaço de flexibilidade ou arbítrio no qual se movem as autoridades policiais e judiciárias e faculta aos populares os meneios e astúcias que garantem o seu lugar na “vida pública urbana”.
(Sidney Chalhoub)

Sobre o autor

Amy Chazkel é doutora em História pela Yale University e professora associada no Departamento de História do Queens College, City University of New York, e no Cuny Graduate Center. Atua como cocoordenadora do corpo editorial da Radical History Review e na banca editorial da Law and History Review. Publicou em 2011, pela Duke University Press, Laws of Chance — Brazil’s Clandestine Lottery and the Making of Urban Public Life, que ganhou o prêmio de melhor livro pela Law and Society Association e pelo New England Council on Latin American Studies, e menção honrosa, na categoria de melhor livro sobre o Brasil, pela Associação de Estudos Brasileiros.

Dados Técnicos
Páginas: 360
Peso: 520g
ISBN: 9788526810853