Revista Outubro 14, livro de Instituto de Estudos Socialistas

Revista Outubro 14

editora: ALAMEDA
Em seu 14º número, a revista Outubro ganha cara e editora novas. O novo visual gráfico da publicação do Instituto de Estudos Socialistas busca reforçar sua identidade, marcada pelo debate crítico de temas relacionados a política internacional e a ciência política, passando pela história, sociologia e economia. Entre os autores, figuram intelectuais brasileiros e estrangeiros que, em comum, encontram na melhor teoria social e marxista os elementos para entender de modo profundo e claro o mundo em que vivemos.

No artigo de abertura, o norte-americano John Bellamy Foster, co-edi... [Leia mais]
R$ 24,63
preço de capa: R$ 28,00
economia de: R$ 3,37 (12%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$5,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$8,21 sem juros.
Apenas 1 em estoque.
Descrição
Em seu 14º número, a revista Outubro ganha cara e editora novas. O novo visual gráfico da publicação do Instituto de Estudos Socialistas busca reforçar sua identidade, marcada pelo debate crítico de temas relacionados a política internacional e a ciência política, passando pela história, sociologia e economia. Entre os autores, figuram intelectuais brasileiros e estrangeiros que, em comum, encontram na melhor teoria social e marxista os elementos para entender de modo profundo e claro o mundo em que vivemos.

No artigo de abertura, o norte-americano John Bellamy Foster, co-editor da renomada Monthly Review, procura revelar aquilo que a ideologia “democrática” dos Estados Unidos esconde. A partir de textos “canônicos” da geopolítica, mas também passando por obras e documentos representativos do pensamento imperial dos EUA, Foster mostra que a política imperial do país atua no sentido de criar um espaço global para a acumulação de capital liderado pela classe dominante norte-americana.

Entre os brasileiros, destacamos o texto de Marcelo Badaró Mattos, que avalia a apropriação da obra do historiador marxista inglês E.P. Thompson. Para Mattos, Thompson sofreu no Brasil um processo de “domesticação” não-marxista ou, até mesmo, antimarxista. Também nesta edição, os movimentos sociais na França são tema de um instigante artigo do professor de história da USP Osvaldo Coggiola, que discute a força das manifestações da juventude francesa contra o Contrato do Primeiro Emprego.

Sumário

A nova geopolítica do império
John Bellamy Foster

O materialismo histórico de Cohen: um determinismo tecnológico fadado a uma guinada normativa
Fabien Tarrit

Da produção do chamado “jovem Marx”: algumas notas sobre os Manuscritos econômico-filosóficos
Jesus Ranieri

E. P. Thompson no Brasil
Marcelo Badaró Mattos

A miséria da historiografia
Demian Melo

O movimento sindical frente ao governo Lula: dilemas, desafios e paradoxos
Andréia Galvão

França inaugura uma nova etapa política na Europa
Osvaldo Coggiola

O setor bélico: por que ele se instalou no coração da economia estadunidense?
Gilson Dantas

A “economia solidária”: uma crítica marxista
Claus Germer

RESENHAS

François Chesnais (org.). A finança mundializada: raízes sociais e políticas, configuração, conseqüências. (São Paulo: Boitempo, 2005.)
por Eleutério F. S. Prado

Antonino Infranca. Trabajo, individuo e historia: el concepto de trabajo em Lukács. (Buenos Aires: Herramienta, 2005.)
por Tatiana Fonseca Oliveira

Maria Cecília Manzoli Turatti. Os filhos da lona preta: identidade e cotidiano em acampamentos do MST. (São Paulo: Alameda, 2005.)
por Luciana Aliaga

João Bernardo. Democracia totalitária. (São Paulo: Cortez, 2004.)
por Ronan Gomes Gonçalves

Dados Técnicos
Peso: 320g
ISBN: 15166333_14