A fraude e outras histórias, livro de Nikolai Leskov

A fraude e outras histórias

editora: EDITORA 34
Tradução de Denise Sales
Coleção Leste
224 p. - 14 x 21 cm
2012 - 1ª edição

Tal como Anton Tchekhov, seu admirador declarado, Nikolai Leskov (1831-1895) é considerado um dos maiores contistas russos de todos os tempos. Escritor de fama tardia, deixou uma obra vasta e diversificada que inclui, em meio a novelas como Lady Macbeth do distrito de Mtzensk (1865), grande quantidade de narrativas curtas. Mas enquanto o autor de "A dama do cachorrinho" foi um mestre na arte de retratar o trivial e o co... [Leia mais]
R$ 40,36
preço de capa: R$ 49,00
economia de: R$ 8,64 (18%)
Frete Grátis
para pedidos acima de R$99,00 ou frete fixo de R$5,90 para todo o Brasil.
Parcele
sua compra em 3x de R$13,45 sem juros.
Apenas 2 em estoque.
Descrição
Tradução de Denise Sales
Coleção Leste
224 p. - 14 x 21 cm
2012 - 1ª edição

Tal como Anton Tchekhov, seu admirador declarado, Nikolai Leskov (1831-1895) é considerado um dos maiores contistas russos de todos os tempos. Escritor de fama tardia, deixou uma obra vasta e diversificada que inclui, em meio a novelas como Lady Macbeth do distrito de Mtzensk (1865), grande quantidade de narrativas curtas. Mas enquanto o autor de "A dama do cachorrinho" foi um mestre na arte de retratar o trivial e o cotidiano, Leskov levou ao ápice aquilo que na Rússia denomina-se skaz: um relato com fortes marcas de oralidade e ares de conto popular, que explora a tênue fronteira entre a magia e a realidade.

Este volume, organizado e traduzido por Denise Sales, com ensaio de Elena Vássina, constitui - juntamente com Homens interessantes e outras histórias - a primeira reunião de contos de Leskov lançada no Brasil, e traz um panorama da sua obra, com textos publicados entre 1867 e 1890 - todos citados no célebre ensaio "O narrador", de Walter Benjamin. Neles, coexistem em singular harmonia temas tão díspares como o adultério, o espiritismo, a corrupção, as tensões étnicas nos confins do império russo e o poder misterioso das pedras. Não por acaso, Benjamin afirma que poucos escritores tiveram, como Leskov, uma afinidade tão profunda com o espírito do conto de fadas.

Sobre o autor

Nikolai Semeónovitch Leskov nasceu em 1831 no povoado de Gorókhovo, província de Oriol, às margens do Volga, na Rússia, em uma família de membros do clero. Seu pai era funcionário público, e a certa altura mudou-se com toda a família para o campo. Após frequentar o colégio local, Leskov foi trabalhar, aos quinze anos de idade, como escrivão no Palácio da Justiça de Oriol, transferindo-se depois para Kíev, onde trabalha no Fisco. Oito anos depois deixa o emprego e passa a trabalhar como ajudante de administrador de fazenda, viajando sem cessar pelo interior da Rússia, conhecendo lugares e gentes das mais diferentes espécies e adquirindo uma experiência que estará presente em todos os seus livros. Mestre da narrativa (Walter Benjamin lhe dedicaria o célebre estudo "O narrador", de 1938), Leskov produziu uma obra vasta, mas foi predominantemente contista e novelista. É autor de dois romances - A lugar nenhum (1864) e Na ponta da faca (1871) -, e de obras-primas da novela e do conto como O peregrino encantado (1873), O canhoto vesgo de Tula e a pulga de aço (1881) e Lady Macbeth do distrito de Mtzensk (1865). Faleceu em 1895, em Petersburgo.

Sobre o tradutor

Denise Regina de Sales é doutora em Literatura e Cultura Russa pela Universidade de São Paulo. Nasceu em Belo Horizonte, em 1965, e graduou-se em Comunicação Social (Jornalismo) pela Universidade Federal de Minas Gerais. De 1996 a 1998, trabalhou na Rádio Estatal de Moscou como repórter, locutora e tradutora. Publicou diversas traduções, entre elas o romance Propaganda monumental, de Vladímir Voinóvitch (Planeta, 2007) e a novela Minha vida, de Tchekhov (Editora 34, 2011).

Dados Técnicos
Peso: 287g
ISBN: 9788573264968
Resenhas