A sociedade contra o estado (Portátil 3), livro de Pierre Clastres

A sociedade contra o estado (Portátil 3)


R$ 21,52
Esgotado, mas podemos checar na editora o prazo para reimpressão e em 48h entramos em contato informando-lhe. Que tal? Deixe seu email:
editora: COSACNAIFY
assunto:
  • Ensaio sobre a dádiva (Portátil 25), livro de Marcel Mauss

    Ensaio sobre a dádiva (Portátil 25)

    Marcel Mauss

    R$ 26,90
    R$ 21,52


  • A invenção da cultura (Portátil 16), livro de Roy Wagner

    A invenção da cultura (Portátil 16)

    Roy Wagner

    R$ 33,90
    R$ 27,12


  • Ilíada, livro de Homero

    Ilíada

    Homero

    R$ 47,90
    R$ 35,93


  • Sobre o sacrifício (Portátil 23), livro de Henri Hubert, Marcel Mauss

    Sobre o sacrifício (Portátil 23)

    Henri Hubert, Marcel Mauss

    R$ 23,90
    R$ 19,12


  • O mal-estar na civilização, livro de Sigmund Freud

    O mal-estar na civilização

    Sigmund Freud

    R$ 19,90
    R$ 14,93


  • O Capital - Livro I, livro de Karl Marx

    O Capital - Livro I

    Karl Marx

    R$ 98,00
    R$ 80,36


  • Mil Platôs - Vol. 1, livro de Gilles Deleuze, Félix Guattari

    Mil Platôs - Vol. 1

    Gilles Deleuze, Félix Guattari

    R$ 42,00
    R$ 34,44


Descrição
Tradução de Theo Santiago

Esta coletânea de onze artigos publicados entre 1962 e 1974 por Pierre Clastres (1934-1977) constitui um dos mais importantes trabalhos de antropologia política já divulgados. A obra reflete uma reviravolta nas ciências humanas, propiciada nos anos 1960 por autores franceses como Claude Lévi-Strauss, Michel Foucault e Gilles Deleuze. Clastres critica a razão política ocidental, aferrada em noções de dominação e subordinação, e afirma que a sociedade civil pode prescindir da figura do Estado. Para demonstrar essa tese audaz, o autor analisa a experiência de povos indígenas da América do Sul.

Este livro integra a coleção Portátil. O design dos livros da coleção foi pensado nos mínimos detalhes para que seja especial e inovador, como nas demais edições da Cosac Naify. As capas, com relevo exclusivo, trazem cores fluorescentes em uma disposição geométrica que varia a cada título. Os livros, em brochura, têm uma encadernação desenvolvida especialmente para garantir maior flexibilidade ao folhear. Todo o volume é impresso em munchen; a textura e cor agradáveis deste papel, aliadas ao tamanho e espaçamento das linhas e das letras garantem uma leitura confortável.

Sobre o autor

Pierre Clastres nasceu em Paris em 1934. Foi diretor de pesquisa no Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS, Paris) e membro do Laboratoire d’Anthropologie Sociale do Collège de France. Realizou pesquisas de campo na América do Sul entre os índios Guayaki, Guarani e Yanomami. Publicou Crônica dos índios Guayaki (1972), A sociedade contra o Estado (1974), e A fala sagrada - mitos e cantos sagrados dos índios Guarani (1974). Sua morte prematura, em um acidente de carro, em 1977, interrompeu a conclusão de textos que mais tarde seriam reunidos no livro Arqueologia da violência - ensaios de antropologia política (1980).

Dados Técnicos
Peso: 280g
ISBN: 9788540501874
Google Books Preview
Resenhas




A 30PorCento é uma livraria virtual cuja missão principal é potencializar, através dos livros, a renovação do pensamento crítico brasíleiro. Oferecemos livros com desconto em todo nosso catálogo.

Frete: além do Sedex e das entregas de Bicicleta, utilizamos também uma categoria especial e econômica para postagem de livros no correio chamada Impresso com Registro Módico, cujo preço é fixo, por peso, para qualquer cidade do Brasil.

Política de troca e devolução: produtos vendidos e enviados pela Livraria 30porcento podem ser devolvidos em até 30 dias após o recebimento do pedido. Para receber o reembolso total, os produtos devolvidos devem estar em condições de novo. Produtos com defeito podem ser devolvidos no prazo de garantia legal solicitados por email em até 30 dias.


Link para a revista literária O Benedito.

> 7LETRAS
> ALEPH
> ALFAGUARA
> AMARILYS
> ANNABLUME
> ATELIE
> AUTENTICA
> AUTONOMIA LITERÁRIA
> BEM-TE-VI
> BIBLIOTECA AZUL
> BLUCHER
> BOITEMPO
> CARAMBAIA
> COMPANHIA DAS LETRAS
> CORTEZ
> COSACNAIFY
> DISCURSO EDITORIAL
> EDIÇÕES LOYOLA
> EDIPRO
> EDITORA 34
> EDITORA UFRJ
> EDITORA UFV
> EDIÇÕES 70
> EDUEL
> EDUEM
> EDUERJ
> EDUFPA
> EDUSP
> ELEFANTE
> ESTAÇÃO LIBERDADE
> EXPRESSÃO POPULAR
> GLOBAL
> HEDRA
> HUMANITAS
> ILUMINURAS
> INSTITUTO MOREIRA SALLES
> INSTITUTO PIAGET
> MANOLE
> MARTINS FONTES
> MERCADO DE LETRAS
> MUNDARÉU
> NOVA ALEXANDRIA
> NOVA FRONTEIRA
> MUSA
> OCTAVO
> PALAS ATHENA
> PAZ E TERRA
> PERSPECTIVA
> PONTES
> RADIO LONDRES
> SENAC
> SESC SP
> TINTA DA CHINA
> TODAVIA
> TORDESILHAS
> UBU EDITORA
> UNESP
> UNICAMP
> VOZES
> WMF MARTINS FONTES
> ZAHAR
+ editoras




Blog Não Gosto de Plágio - a polêmica do plágio de traduções literárias no Brasil, por Denise Bottmann